Arquivo da categoria ‘Album review’

Incrível como o retorno da vocalista Skye ressuscitou o Morcheeba. Após a saída de Skye Edwards em 2003 o Morcheeba entrou numa onda decadente. É inegável o talento dos irmãos Godfrey, mas Skye era a alma, era o que tirava um mero projeto das cinzas para trazê-lo ao sucesso.

Blood Like Lemonade ressuscita o bom e velho Morcheeba que iniciou sua carreira em 1995. Suas características foram mantidas, aquele soul trip hop funky que marcou história com os álbuns Big Calm, Trigger Hippie e Parts of the Process estão de volta, thanks god for that! Skye mais uma vez consegue com sua voz cativar, despertar sentimentos, trazer suavidade mesmo em letras mais obscuras como em Recipe for Disaster, uma das minhas favoritas desse novo trabalho ao lado de Beat of the Drum e da track que dá nome ao disco. Se você era um dos amantes do Morcheeba que estava meio triste com os últimos lançamentos assim como eu, anime-se, they are back and rocking hard!!! (mais…)

O produtor londrino Peter O’Grady é o nome do cara que tem trazido boas novas na cena dubstep mundial. Seu projeto batizado de Joy Orbison lançou recentemente um novo EP – The Shrew Would Have Cushioned the Blow, ou simplesmente The Shrew EP.

(mais…)

É enorme a quantidade de álbuns lançados a cada dia…e na maioria das vezes parece que estão feitos só pra ocupar um espaço qualquer…estão destinados a ser mais um link ou a ganhar mais um belo e romântico review.

Mas Anidea não se enquadra nessa descrição. O recém lançado debut álbum desse jovem artista de Bristol – UK veio com a agradável surpresa de ser único. Guido, aka Guy Middleton, joga num time de feras. Tem por trás do seu nome um dos grandes selos de dubstep do mundo, Punch Drunk Records, a menina dos olhos de ninguém menos do que Peverelist.

Enquanto muitos se confundem em tentar assimilar se suas músicas são ou não dubstep, outros simplesmente se deliciam com essa obra prima. Chamem isso de dubstep, post dubstep, whathever, o que importa é a qualidade e a personalidade. E personalidade é o que não falta nesse lançamento. Músicas eroticamente compostas dentro de um ambiente único e épico. Tudo poeticamente organizado (e desorganizado) com delicadas nuances do que R&B deveria ser.

Tem tudo pra ser um dos top álbuns do ano. Na minha opinião já está entre eles.

Tracklist:
1. Anidea
2. Orchestral Lab
3. Woke Up Early
4. Cat in the Window
5. Beautiful Complication [ft. Aarya]
5. Mad Sax
6. You Do It Right
7. Take Me Higher
8. Way U Make Me Feel [ft. Yolanda]
9. Tango
10. Shades of Blue
11. Tantalized

Escute algumas músicas no myspace http://www.myspace.com/guidoproductions

Compre as tracks ou o álbum no Juno http://www.juno.co.uk/products/Anidea-FREE-DELIVERY/391867-01/

Já saiu o novo album do Bonobo – Black Sands

Publicado: junho 22, 2010 por Marcelo kTorZ em Album review, Música
Tags:


O artista londrino Simon Green, aka Bonobo recém lançou seu quarto álbum – Black Sands.

Predominância da música eletrônica com toques de trip hop, soul e jazz, mantendo um estilo que já vem dando certo desde seu primeiro disco e que fez grande sucesso em seu último trabalho, com o álbum “Days to come”. A suavidade é o que caracteriza esse disco, com tracks envolventes e delicadamente trabalhadas.

Destaque para a participação de Andreya Triana em três faixas, com um vocal sexy e profundo e que se encaixa perfeitamente em todo o contexto. Highlights para as tracks All in forms, Kiara, The Keeper, Black Sands e Prelude.

Perfeito para escutar em momentos mais intimistas. Fica a dica.

Acesse o site oficial do Bonobo

Aproveitem para conferir um mini-mix do álbum:

Bonobo ‘Black Sands’ Album Mini Mix by Ninja Tune