Banksy – o anônimo e misterioso mega pop grafiteiro

Publicado: outubro 25, 2010 por Marcelo kTorZ em Arte, Artigos, Exposições, Imagens, Intervenção, Street Art, Vídeos
Tags:, , , , ,

Nada pode ser mais controverso do que a história do badalado grafiteiro inglês Banksy. Um cara da cultura underground que se tornou reconhecido mundialmente, com direito a documentário sobre sua trajetória e até mesmo abertura para os Simpsons. Ele é pop, super mega pop, mas ninguém conhece ele.

banksy,banksy-graffiti,banksy-images,banksy-stencil,street-art,arte nas ruas,ativismo,activism,underconstruction blogAos poucos o britânico nascido em 1974 vai se tornando uma daquelas lendas urbanas, que todos conhecem mas nunca viram. Dizem que é mais fácil ver uma mosca branca ou uma cabeça de bacalhau do que ver ele. Banksy não se considera um artista e esse é um dos motivos pelos quais ele prefere manter sua identidade sobre sigilo. Cá pra nós, esse papinho pra mim é meio fake, não cola não. Acho que por trás disso tudo tem algo mais, tipo uma ficha criminal bem extensa ou ter várias esposas espalhadas pelos mundo.

Independente dos motivos que o levam a manter seu sigilo (que na verdade não me interessa em nada) o trampo dele é de se tirar o chapéu. Aclamado mundialmente como um dos melhores (se não o melhor) artista de rua de todos os tempos, a riqueza e diversidade dos seus trabalhos é de fazer babar.

E para os apreciadores de street art, ainda dá tempo de conferir o filme dele na 34ª MOSTRA INTERNACIONAL DE CINEMA DE SÃO PAULO, a última apresentação será no ESPAÇO UNIBANCO 3  dia 29/10/2010 – 19:50 – Sessão: 763 (Sexta).

banksy,banksy-graffiti,banksy-images,banksy-stencil,street-art,arte nas ruas,ativismo,activism,underconstruction blog

Leia toda a matéria, saiba mais sobre a história desse não-artista mega pop e confira uma seleção dos seus melhores trabalhos assim como o trailler do filme e a abertura que ele fez para Os Simpsons.


Apesar de todos os esforços para manter sua identidade sobre sigilo, muitos jornais já noticiaram que seu verdadeiro nome é Robin ou Robert Banks (mudou alguma coisa pra vc saber disso?).  Outro boato que corre solto é que na verdade ele interpretaria um segundo papel, fazendo-se passar como seu próprio manager, Stephen Lazarides. Meio confusa a história, não faz muito sentido pra mim. Porque esconder sua própria identidade para criar uma outra que também está super exposta na mídia?

Após o lançamento do seu documentário EXIT THROUGH THE GIFT SHOP, lançado no começo do ano, cada vez mais ele tem se tornado o centro das atenções. Um filme feito com um baixo orçamento e que surpreendeu a muitos com o sucesso de bilheteria, deixando na poeira nomes famosos de Hollywood, com um faturamento que até junho desse ano superava a casa dos 3,5 milhões de dólares, isso só nos EUA.

Banksy é tão hype, que além do filme estreiar em várias mostras de cinema, ele ganhou um espaço especial para o lançamento do seu filme em Londres. Foi cedido a ele um tunel sob a estação Waterloo, uma das maiores da cidade. No túnel ele criou uma sala de cinema batizada de Lambeth Palace, com apenas 150 acentos disponíveis. Lógico que os ingressos disponíveis acabaram rapidinho.

A sala de cinema foi toda customizada, como não poderia deixar de ser. Carrinhos de pipoca, um lounge para recepcionar os espectadores e latas de spray distribuídas a todos, podendo livremente expressar sua arte nas paredes de acesso do túnel.

Street art tem sido o mais importante movimento desde a geração punk e indubitavelmente Banksy é um dos nomes que vai ficar marcado para a história.  Com uma técnica peculiar de stencil, uma habilidade absurda e a capacidade de interagir com o meio como poucos, seus trabalhos são como a voz abafada de uma população sufocada e oprimida pelos grandes centros urbanos, dando a esses centros uma nova e revolucionária estética (ficou poético, nossa, que poeteiro que sou!). Há quem diga que seus trabalhos não passam de puro vandalismo…

De presa uma seleção de 70 motivos para se tornar mais um grande fã do Banksy. Enjoy it!

banksy,banksy-graffiti,banksy-images,banksy-stencil,street-art,arte nas ruas,ativismo,activism,underconstruction blog

banksy,banksy-graffiti,banksy-images,banksy-stencil,street-art,arte nas ruas,ativismo,activism,underconstruction blog

banksy,banksy-graffiti,banksy-images,banksy-stencil,street-art,arte nas ruas,ativismo,activism,underconstruction blog

banksy,banksy-graffiti,banksy-images,banksy-stencil,street-art,arte nas ruas,ativismo,activism,underconstruction blog

banksy,banksy-graffiti,banksy-images,banksy-stencil,street-art,arte nas ruas,ativismo,activism,underconstruction blog,stencil

banksy,banksy-graffiti,banksy-images,banksy-stencil,street-art,arte nas ruas,ativismo,activism,underconstruction blog,stencil

banksy,banksy-graffiti,banksy-images,banksy-stencil,street-art,arte nas ruas,ativismo,activism,underconstruction blog,stencil

banksy,banksy-graffiti,banksy-images,banksy-stencil,street-art,arte nas ruas,ativismo,activism,underconstruction blog,stencil

banksy,banksy-graffiti,banksy-images,banksy-stencil,street-art,arte nas ruas,ativismo,activism,underconstruction blog,stencil

banksy,banksy-graffiti,banksy-images,banksy-stencil,street-art,arte nas ruas,ativismo,activism,underconstruction blog,stencil

banksy,banksy-graffiti,banksy-images,banksy-stencil,street-art,arte nas ruas,ativismo,activism,underconstruction blog,stencil

banksy,banksy-graffiti,banksy-images,banksy-stencil,street-art,arte nas ruas,ativismo,activism,underconstruction blog,stencil

banksy,banksy-graffiti,banksy-images,banksy-stencil,street-art,arte nas ruas,ativismo,activism,underconstruction blog,stencil

banksy,banksy-graffiti,banksy-images,banksy-stencil,street-art,arte nas ruas,ativismo,activism,underconstruction blog,stencil

banksy,banksy-graffiti,banksy-images,banksy-stencil,street-art,arte nas ruas,ativismo,activism,underconstruction blog,stencil

banksy,banksy-graffiti,banksy-images,banksy-stencil,street-art,arte nas ruas,ativismo,activism,underconstruction blog,stencil

banksy,banksy-graffiti,banksy-images,banksy-stencil,street-art,arte nas ruas,ativismo,activism,underconstruction blog,stencil

banksy,banksy-graffiti,banksy-images,banksy-stencil,street-art,arte nas ruas,ativismo,activism,underconstruction blog,stencil

banksy,banksy-graffiti,banksy-images,banksy-stencil,street-art,arte nas ruas,ativismo,activism,underconstruction blog,stencil

banksy,banksy-graffiti,banksy-images,banksy-stencil,street-art,arte nas ruas,ativismo,activism,underconstruction blog,stencil

banksy,banksy-graffiti,banksy-images,banksy-stencil,street-art,arte nas ruas,ativismo,activism,underconstruction blog,stencil

banksy,banksy-graffiti,banksy-images,banksy-stencil,street-art,arte nas ruas,ativismo,activism,underconstruction blog,stencil

banksy,banksy-graffiti,banksy-images,banksy-stencil,street-art,arte nas ruas,ativismo,activism,underconstruction blog,stencil

banksy,banksy-graffiti,banksy-images,banksy-stencil,street-art,arte nas ruas,ativismo,activism,underconstruction blog,stencil

banksy,banksy-graffiti,banksy-images,banksy-stencil,street-art,arte nas ruas,ativismo,activism,underconstruction blog,stencil

banksy,banksy-graffiti,banksy-images,banksy-stencil,street-art,arte nas ruas,ativismo,activism,underconstruction blog,stencil

banksy,banksy-graffiti,banksy-images,banksy-stencil,street-art,arte nas ruas,ativismo,activism,underconstruction blog,stencil

banksy,banksy-graffiti,banksy-images,banksy-stencil,street-art,arte nas ruas,ativismo,activism,underconstruction blog,stencil

banksy,banksy-graffiti,banksy-images,banksy-stencil,street-art,arte nas ruas,ativismo,activism,underconstruction blog,stencil

banksy,banksy-graffiti,banksy-images,banksy-stencil,street-art,arte nas ruas,ativismo,activism,underconstruction blog,stencil

banksy,banksy-graffiti,banksy-images,banksy-stencil,street-art,arte nas ruas,ativismo,activism,underconstruction blog,stencil

banksy,banksy-graffiti,banksy-images,banksy-stencil,street-art,arte nas ruas,ativismo,activism,underconstruction blog,stencil

banksy,banksy-graffiti,banksy-images,banksy-stencil,street-art,arte nas ruas,ativismo,activism,underconstruction blog,stencil

banksy,banksy-graffiti,banksy-images,banksy-stencil,street-art,arte nas ruas,ativismo,activism,underconstruction blog,stencil

banksy,banksy-graffiti,banksy-images,banksy-stencil,street-art,arte nas ruas,ativismo,activism,underconstruction blog,stencil

banksy,banksy-graffiti,banksy-images,banksy-stencil,street-art,arte nas ruas,ativismo,activism,underconstruction blog,stencil

banksy,banksy-graffiti,banksy-images,banksy-stencil,street-art,arte nas ruas,ativismo,activism,underconstruction blog,stencil

banksy,banksy-graffiti,banksy-images,banksy-stencil,street-art,arte nas ruas,ativismo,activism,underconstruction blog,stencil

banksy,banksy-graffiti,banksy-images,banksy-stencil,street-art,arte nas ruas,ativismo,activism,underconstruction blog,stencil

banksy,banksy-graffiti,banksy-images,banksy-stencil,street-art,arte nas ruas,ativismo,activism,underconstruction blog,stencil

banksy,banksy-graffiti,banksy-images,banksy-stencil,street-art,arte nas ruas,ativismo,activism,underconstruction blog,stencil

GOSTOU? ADICIONE O UNDER CONSTRUCTION NOS FAVORITOS E VEJA TAMBÉM:

JR, considerado um dos melhores artistas de rua assim como Banksy

Street art diferenciado por Vhils

Os Gemeos no Museu de Arte Contemporânea de San Francisco

Stencil street art – aprenda a fazer seu stencil sem ser pego em flagrante

Infinitas possibilidades do cubo mágico

comentários
  1. […] This post was mentioned on Twitter by Marcelo Carvalho, Marcelo Carvalho. Marcelo Carvalho said: 70 awesome art work from BANKSY!!!! http://bit.ly/a8KeOF […]

  2. Lucy disse:

    Genial! Genial! E acabo de aprender sobre uma coisa que era um mistério para mim em Paris, aqueles azulejos com as figuras que parecem o pacman!!! Muito bacana, nossa! Agora, street art sim, é ótima. O duro é a pichação feia, que só quer ser rebelde, sem acrescentar nada! Show este post!

  3. Bruno Mangilli disse:

    Muito fera,ótimos trabalhos,a perspectiva dos desenhos são perfeitas.

  4. nanasparks disse:

    simplesmente perfeitos!!!

  5. Guigo disse:

    o cara é muinto bom

  6. vonhaggen disse:

    Primeiro de tudo,acho errado voce falar de banksy como super pop,ou qualquer coisa assim sendo que quem pois ele na midia,foi a midia,nao a custo dele,pq é obvio que ele é contra todo sistema…
    ele so queria protesta sua ideologia atraves da arte dele,e ele conseguiu
    e eu acho certo ele nao aparece pq alem de tudo o que ele faz,e continua fazendo,acima de qualquer popularidade,ou pop,como voce diz,é fora da lei..
    e segundo,é errado voce entra nessa modinha e só falar dele agora,que ele ta na midia e tal
    e se voce nao viu o filme dele,o filme nao é sobre ele,fala dele e do shepard (OBEY),mas acima de tudo fala como é facil,hoje em dia,se torna um artista na midia e como ele criou um,que so vendo o filme voce entende
    entao antes de falar qualquer coisa,pesquise mais e nao vá so na midia
    acima de tudo veja a arte por ela mesma,nao pela midia e popularidade involvida

    • sorry about you man,,morei em Londres muitos anos, antes de vc escutar o nome banksy eu ja sabia sobre ele.

      Tbm não somos modinhas, basta vc pesquisar o conteudo do nosso blog.

      E goste vc ou nao, ele é pop sim. Quer um dicionário ingles-portugues pra ajudar na traducao?

      • vonhaggen disse:

        nao acho que voce tenha ouvido falar de banksy antes de mim,mas tudo bem….
        sou designer e mecho com arte de rua a muitos anos mas isso nao vem ao caso
        nao queria criticar o blog nem nada,e se eu estou aqui,é pq acesso ele
        igual quando voce posto sobre o Tomas Tomas eu tbm comentei achei legal mais alguem conhecer o trabalho de pontos e tudo mais,mas nao gostei de ver isso num blog que aparece no ocioso,que é o tipo de arte que nao queria que virasse parte da midia,algumas coisas sao legais exatamente por serem “undergrounds” e desconhecida das massas…
        só nao queria que voce falasse do banksy como algo pop,eu nao sou ignorante ao ponto de nao saber que pop é popular…mas mesmo assim a palavra pop tem inumeros significados
        só nao queria que associassem a palavra banksy a POP pq ele é um ativista a muitos anos e sua arte pode aparece em quantos jornais,revistas e tvs,que nunca vai ser pop.Um protesto igual o dele sao poucos que fazem,e igual a ele nunca vai ter
        so queria compartilha o que eu penso e desculpe se voce levou isso como uma critiva de mal intuito,so foi um mero desabafo mesmo
        abraço..

        • Sou um admirador dos trabalhos dele e da conotação político-social-economica que tem. Mas colocá-lo como pop não desmerece em nada sua arte.

          As raízes dele estão no underground, mas não é um veiculador de mídia como o ocioso que vai deixar ele “pop”. Tem matérias sobre ele em todos os tablóides ingleses, difícil mais pop-celebrity que isso. Talvez pra vc fosse melhor ter lido que ele esta pop, e nao q ele eh pop. Questao de semantica.

          Cada um direciona sua carreira da maneira que prefere, e pelo que tenho visto, ele esta adorando essa popularidade toda. Caso contrario ja teria criado um novo personagem e abortado o famoso banksy. Faz sentido nao? Acho que isso sim seria uma atitude underground.

          Sem problema algum quanto ao seu desabafo, o blog esta aberto a criticas e a ouvir a opiniao de todos, disso vivem os blogs/

          abrs

  7. As “N” Qualquer Coisa do Nerd do Gueto « Nerd do Gueto disse:

    […] 70 imagens do badalado grafiteiro Banksy […]

    Irado

  8. […] Banksy – o anônimo e misterioso mega pop grafiteiro (via under construction) Nada pode ser mais controverso do que a história do badalado grafiteiro inglês Banksy. Um cara da cultura underground que se tornou reconhecido mundialmente, com direito a documentário sobre sua trajetória e até mesmo abertura para os Simpsons. Ele é pop, super mega pop, mas ninguém conhece ele. Aos poucos o britânico nascido em 1974 vai se tornando uma daquelas lendas urbanas, que todos conhecem mas nunca viram. Read More […]

  9. Bruno de Oliveira Alves disse:

    Banksy parabéns muito foda !!!…se as paredes tem ouvidos os muros falam …muita arte com expressão e visão alem do alcance …

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s