Propagandas vintage de drogas proibidas (Parte I)

Publicado: agosto 31, 2010 por Marcelo kTorZ em Artigos, Imagens, Life style
Tags:, , , , , , , , , , ,

Muita gente desconhece que as drogas proibidas de hoje eram liberadas no passado. Cocaína, heroína, anfetaminas, maconha, barbitúricos, etc, todas vendidas legalmente e com direito a propaganda nos meios de comunicação mais populares da época.  Fica a pergunta de quais as drogas que são comercializadas hoje que serão proibidas e por consequência controladas pelo narcotráfico no futuro.

COCAÍNA

Até 1914, cocaína era facilmente encontrada para venda em diversos lugares, a maioria na forma de pastilhas para dor de dente, remédios para caspa e fortificantes.

Pastilhas de cocaína para dor de dente – Laboratório Lloyd

Olha só o preço, 15 centavos de dólar. O desenho é intrigante…será que os camponeses depois de chupar umas balinhas de coca ficavam brincando com pauzinhos?

 

 


Vinho de cocaína –  Metcalf

Uma combinação de vinho extraído da planta da coca + cocaína que juntos formam uma substância conhecida como cocaetileno, que quando ingerida via oral é tão poderosa quanto a cocaína.

 

Vinho de coca Vin Mariani

Mais um tônico revigorante que ficou famoso graças ao poder da cocaína. Como o sabor do vinho era bem ruim, as estratégias de marketing se concentravam no fator revigorante mais do que no fator enebriante do vinho. Pela alegria das mocinhas dançando a impressão que fica é que o negócio era bom mesmo.

 

OPIÓIDES

Heroína Bayer

De 1898 até 1910, Bayer e outros laboratórios vendiam heroína como anti-tussígeno, e as ingênuas propagandas eram feitas ao lado de drogas mais simples que resistem até hoje no mercado, como a aspirina.

 

Glico-heroína – Laboratório Smith

Heroína combinada com glicerina, prometendo a solução dos problemas para tosse. Vai vendo.

 

 

Ópio injetável Pantopon  – Roche Laboratório

“Experimente Pantopon para aliviar os sintomas da dependência de morfina, um excelente analgésico”. Resumindo: deixe de ser dependente de morfina e torne-se dependente de ópio.


Morfina expectorante sabor cereja – Ayer

A cura para resfriados, tosses e todos os tipos de doença que afetam os pulmões e garganta. Continha morfina e heroína. Uma belezinha. Dá um look na criancinha sedenta pra dar uma colheirada e na outra que já tomou fazendo carinhos na garrafa.

Xarope calmante para bebês Mr Winslow

65 mg de morfina para deixar seu bebê calminho calminho quando estão nascendo os dentes.

Fonte: PILL TALK

LEIA TAMBÉM:

Ecstasy é eficaz na cura de traumas

Drogas legais são legais? Talking about the legal highs

Stencil street art – aprenda a fazer seu stencil sem ser pego em flagrante

Propagandas vintage de drogas proibidas – Parte II

comentários
  1. Lau disse:

    caraca … nem sabia disso … hahahaha …

  2. Ramona (Creuzza) disse:

    Gostei da criançinha fazendo carinho na garrafinha.. ahhahahhah essa imagem me lembra a clinica… bons tempos de vivencia!!!!

  3. li disse:

    Ate hoje usamos drogas, ou vcs nao sabem que farmacia se chama drogaria?

  4. Antoani disse:

    Muito interessante!Post publicado.
    Atenciosamente.
    Antoani/Equipe Link Premiado
    http://www.linkpremiado.com.br

  5. […] Propagandas vintage de drogas proibidas (Parte I) […]

  6. lucienne politti camara disse:

    adorei saber sobre a droga Ketamina ,mas sera que vai ser a mesma luta como a vacina da paralia infantil em dose unica, ou como outras doenças que fiquei sabendo de remedios que curavam até 99% e seus cientistas foram impedidos e perseguidos pela prøpria ……….

  7. Roseanne Presa disse:

    Realmente fui surpreendida com essa leitura…nunca soube desse passado liberal…rs.

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s